L’Extravagant de Doisy-Daëne Sauternes 2010

Os vinhos da região de Sauternes, em Bordeaux, na França, fazem parte de uma categoria muito especial por uma série de circunstâncias naturais que precisam estar sincronizadas para que a ‘mágica’ aconteça: são vinhos que se originam em uvas botritizadas, ou seja, que são atacadas por um fungo que as desidrata fazendo com que a quantidade de açúcar acumulada em cada bago de uva seja altíssima.

Tags: , , , , , , , , , , , , ,

Ah, a Itália!

Até o momento, a Itália continua sendo o maior produtor mundial de vinhos. E a quantidade produzida não afeta em nada a qualidade que os italianos ofertam ao mundo. O país produz em toda a sua extensão, mas já há algum tempo os consumidores voltaram os olhos para os exemplares quentes e saborosos do Sul, principalmente os produzidos com a uva Primitivo, sem esquecer dos grandes nomes como Toscana, Piemonte, entre outras regiões. Os italianos são culturalmente exagerados, também em número de uvas nativas. Listamos aqui algumas curiosidades sobre este País espetacular!

Tags: , , , , , , , ,

Lançamento: Leaping Horse

A Leaping Horse está localizada na Califórnia, Estados Unidos, na apelação Lodi. O nome se deve à paixão dos proprietários por equinos. A família Kautz, proprietária da vinícola, trabalha com viticultura sustentável há 35 anos. Entre as técnicas utilizadas destaque para remoção de folhas das videiras, utilização de materiais orgânicos e irrigação por gotejamento. A proposta é melhorar a qualidade e a intensidade dos sabores. Além disso, são colocados animais, como corujas e patos, em torno das vinhas, para preservar o ecossistema natural, assim como são atraídos insetos que auxiliem no desenvolvimento das videiras.

Tags: , , , , , , , , , , , ,

Lançamento: Brunello di Montalcino Paesaggio Inatteso 2012

Chegou ao Brasil o vinho Brunello di Montalcino Paesaggio Inatteso 2012, elaborado na Cantina Camigliano, na Toscana, Itália, com a uva Sangiovese Grosso (Brunello). Vinho intenso, encorpado, porém com taninos finos, maduros e sedosos, ganhou excelentes notas das principais publicações especializadas do mundo (93 pontos na Wine Advocate do Robert Parker; 93 pontos na Wine Spectator; e 93 pontos do crítico James Suckling).

Tags: , , , , , , , , , , ,

Vinhos para brindar as festas de fim de ano!

Este ano já está acabando e é hora de fazer o balanço positivo, renovar as energias e semear esperanças. E a melhor maneira de começar um novo ciclo é com uma taça de vinho em mãos, brindando com familiares e amigos. Para ajudar, selecionamos seis vinhos que foram lançados no Brasil em 2017, de estilos diferentes e diversas faixas de preço. Confira!

Tags: , , , , , , , , , ,

Em vinho doce, vai açúcar?

Em vinho fino doce – sejam fortificados, botritizados ou colheita tardia – não há adição de açúcar artificial. Como toda fruta, a uva possui açúcar natural. No processo de fermentação esses açúcares (chamados frutose e glicose) transformam-se em álcool etílico. Existem métodos que interrompem a fermentação, então “sobra” açúcar da fruta – o que chamamos de açúcar residual. Resumidamente, assim são elaborados os vinhos doces fortificados. No caso dos vinhos Porto e Madeira, adiciona-se álcool vínico – que tem como função elevar a graduação alcoólica dos vinhos, mantendo sua doçura. Existem vinhos de sobremesa elaborados por outros métodos, mas sempre com o açúcar natural da fruta!

Tags: , , , , , , , , , , ,