Os encantos do Malbec argentino

Atualmente a Malbec é a uva argentina por excelência, a variedade que dá os melhores resultados no país principalmente pela constante qualidade de suas safras, de Salta ao sul da Patagônia. Lujan de Cuyo, uma sub-região de Mendoza, é a primeira DOC (Denominação de Origem) das Américas. Em relação ao estilo, os malbecs argentinos são geralmente de um vermelho violáceo muito intenso e possuem aromas que lembram frutas vermelhas e pretas bem desenvolvidas, passando pelas notas florais até chegar aos clássicos aromas de especiarias. Outra característica marcante é a qualidade dos taninos: doces, suaves e macios, que tornam os vinhos agradáveis quando jovens e quando envelhecidos em garrafa.

Alguns vinhos argentinos de Malbec trazidos ao Brasil pelas importadoras Porto a Porto e Casa Flora.

Emília Malbec

Emilia Malbec_bx

Elaborado na região de Mendoza, pelo produtor Nieto Senetiner. Possui cor vermelha intensa e os aromas lembram ameixa madura e geleia de frutas vermelhas, com notas de especiarias. No paladar é seco, elegante e equilibrado, com taninos suaves e longo final. Sugere-se para acompanhar carnes vermelhas, massas com molhos leves, frango e queijos meia cura.

Nieto Senetiner Malbec DOC

Nieto Senetiner Malbec DOC_bx

Vinho que tem origem em Lujan de Cuyo, em Mendoza, em vinhedos de 45 anos. Amadurece durante 12 meses em barrica de carvalho francês. O fato de ele ser DOC (Denominação de Origem) certifica que o vinho provém de um terroir particular e que foi elaborado de acordo com regras que atestam sua qualidade. Na degustação, possui cor vermelho intenso, aroma de frutas maduras como ameixa e figo, além de notas de baunilha e tabaco. Em boca, demonstra muita personalidade, boa acidez e final longo e elegante. É indicado para acompanhar churrascos, carnes grelhadas em geral e massas com molhos encorpados. Possui potencial de guarda de 6 a 8 anos se armazenado em condições adequadas.

Don Nicanor Malbec

Don Nicanor Malbec_bx

Vinho também elaborado pelo produtor Nieto Senetiner, em Agrelo, Luján de Cuyo, Mendoza, em vinhedos com 30 anos de idade – Agrelo é considerado o melhor terroir em Mendoza para a produção da Malbec. Esse vinho amadurece durante 12 meses em barrica de carvalho francês de segundo uso. Na degustação, apresenta cor vermelha brilhante com nuances violeta e intensos aromas de cassis com notas de baunilha. Em boca é elegante, fresco e delicado. Indicado para acompanhar carne vermelha grelhada ou cozida e massas com molhos picantes. Sugere-se decantá-lo 30 minutos antes da degustação. Possui potencial de guarda de 7 anos se armazenado em condições adequadas.

Tags: , , , , , ,