Jacob’s Creek Shiraz: destaque da semana

 

Jacob’s Creek Shiraz
Jacob’s Creek Shiraz

Muito já se especulou sobre as origens da uva Syrah, antigamente diziam que ela era nativa da Pérsia (Irã) porque lá havia uma cidade chamada Shiraz, que produzia o Shirazi wine. Mas em 1998 um exame de DNA confirmou que a Syrah é francesa, fruto de um cruzamento natural entre as uvas Mondeuse Blanche e Dureza. Uva altamente adaptável, a Syrah produz vinhos com qualidade em diversos lugares do mundo, mas foi na Austrália que se consagrou pela produção de rótulos intensos, exuberantes, amplos, encorpados e potentes.

Shiraz da Jacob's Creek.
Shiraz da Jacob’s Creek.

O Jacob’s Creek Shiraz 2011 apresenta aromas de frutas maduras com notas de chocolate e cedro, no nariz. Em boca, é seco, possui boa acidez, taninos bem estruturados, além de ser macio e sedoso. Acompanha muito bem pernil de cordeiro assado, queijos moles e cremosos como o cheddar. Deve ser servido a 16°C.

O australiano Jacob's Creek Shiraz.
O australiano Jacob’s Creek Shiraz.

Jacob´s Creek

Se hoje o Vale Barrosa, no sul da Autrália, é conhecido pelos excelentes vinhos que produz, muito se deve ao imigrante alemão Johann Gramp, natural da Bavária, que ficou impressionado com a potencialidade daquelas terras para a viticultura e, em 1847, plantou seu primeiro vinhedo na região com a intenção de produzir vinhos que mostrassem o verdadeiro caráter da terra.

Jacob’s Creek originalmente é o nome do riacho que atravessa a região, localizada 80 quilômetros ao norte da cidade de Adelaide. Ele emprestou o nome à famosa marca de vinhos produzidos pela Orlando Wine, fundada por Gramp. Desde seu surgimento, a vinícola é reconhecida pelos exemplares de personalidade e elegância que produz e atualmente é um verdadeiro ícone da indústria australiana, além de um dos principais exportadores do país. A empresa foi adquirida pela Pernod Ricard em 1989. Atualmente o tenista sérvio Novak Djokovic, o número 1 do mundo, é o embaixador da marca.

 

Jacob’s Creek originalmente é o nome do riacho que atravessa a região.
Jacob’s Creek originalmente é o nome do riacho que atravessa a região.

 

Curiosidade sobre a Shiraz: Até os anos 1980, era comum a Shiraz ser chamada na Austrália de Hermitage, a denominação mais conhecida do norte do Rhône, na França. Com a lei de proteção francesa ao nome dessa demarcação, a uva não pode mais ser chamada assim.

 

Tags: , , ,